Friday, June 26, 2009

Minha mãe entende de futebol

História verídica, ocorrida há pouco mais de meia hora atrás...

Hoje no almoço, no restaurante, estamos eu e meu pai e minha mãe (de enxerida) falando do jogo do Inter ontem, do Bolivar que mal voltou de suspensão por ter sido expulso e já foi expulso de novo, do time que parece que "desandou" depois que o Nilmar foi pra Seleção, etc, etc, etc e ocorre o seguinte diálogo:

Mãe: Mas e o jogador bom aquele?

?????
(Caras de ponto de interrogação de ambos, pai e eu, pra ela)

Pai: Do Inter ou da Seleção?

Mãe: Não sei. Aquele azul...

Pai (pensando): Azul??? Que jogador é "azul"??? Na Seleção o Robino é preto, mas não chega a ser "azul"...

Eu (pensando também): Azul??? Não tem nenhum Smurf jogando. No mínimo ela está pensando no jogo do Grêmio com o Cruzeiro, que tinha os caras do Cruzeiro com a camiseta azul, afinal no dia do jogo ela já achou que o Grêmio era a Argentina por causa das camisetas...

Pai: Azul??? Que jogador azul???

Mãe: Ah, um velho, que corre muito... Aquele... o Linha Azul...

(matou a charada, já?)

Fim da história:
Pai (às gargalhadas): É GUI-ÑA-ZU!!!

Thursday, June 25, 2009

R.I.P. MJ & Angel Jill

Rest in peace, Michael Jackson and Farrah Fawcett. Some people may doubt that the world is a bit poorer without you, but the history of my life certainly is.

Farrah was part of my childhood as Jill Munroe, one of the 3 "original agents". Charlie's Angels first season was a hit and every little girl role-played them with her friends, myself included. MJ was the sountrack of my teenage years, and I still remember butterflies in my stomach at a party when the guy I loved throghout my years as a student at ETFPel - and some years more after that... :P - looked at me for the first time, at the sound of Thriller (I remember even the EXACT lines: They're out to get you, there's demons closing in on every side / They will possess you, unless you change that number on your dial...). And many other, no, ALL of his songs still remind me of those days.

So here's my tribute to them, for these images will be a part of my life forever: the opening and scenes of the first season of Charlie's Angels (A.K.A "As Panteras" in Brazil), the videoclip that changed the history of videoclips, the classic Thriller, and MJ in one of his finest moments, singing and dancing The Way You Make Me Feel at the Grammy's.


video


video

video

Tuesday, June 23, 2009

To write or not to write, that's the question



Well... há controvérsias. Não, não estou, em um ataque narcisístico, falando de mim mesma e em relação aos meus humildes escritos por aqui (apesar de que preciso me policiar um pouco quanto à qualidade do que vos posto aqui, já que depois que lá na UCPel descobriram este blog estou sob escrutínio dos meus peers/na berlinda/sob os holofotes e outras metáforas do gênero... :P). Falo de blogs que existem por aí que são REALMENTE bons. Alguns já sairam do ar, um deles sendo o do meu irmão - sim, ele leva jeito para a coisa. Devia ter sido escritor, a peste - outro o da Robs, massssss... enfim. Mr Saramago generalizou demais a coisa.

Aliás, eu diria que é quase um caso de "olha quem fala". Correndo o risco de ser apedrejada e excomungada (se bem que quanto a essa última desconfio que, segundo as leis da Igreja, estou na lista para... :P) por acadêmicos e entendidos da área de Letras/Literatura, eu particularmente acho o Saramago muuuuuuuuuuito cansativo. Sendo eu uma pessoa que lê-com-pontuação (SIM, PRECISO DESSES HÍFENS!), ou seja, que faz todas as paradinhas e respiradas e entonações e sei lá o que mais quando está lendo os textos do Saramago me dão um cansãço e me deixam sem fôlego porque é uma palavra atrás da outra e a coisa não termina nunca e onde é que essa frase vai acabar minha Nossa Senhoraaaaaaaaaaaaaa (insira aqui um ponto de interrogação) - viram como é bom? Mas gostos são gostos, dizia uma velhinha comendo uma coisa que não vou falar aqui para não causar um "Eeeewwww..." e caretas generalizadas. Tem gente que gosta, adora, AMA ele de paixão. Eu não. Em compensação tem gente que diz que não consegue ler O Senhor dos Anéis porque as descrições do Tolkien são detalhadas demais, enquanto que eu me derreto só de ler em voz alta e saborear o som das palavras que ele escolheu com todo cuidado para compor um todo harmonioso. Sim, gostos são gostos...

Enfim, minha opinião, como já declarei, é a de que não se pode generalizar. Tem porcaria por aqui na internet? Tem, e às pencas. Mas/porém/todavia/contudo/entretanto, daí a dizer que "blogs fazem as pessoas escreverem pior" é um pouco de exagero e o que se lê nas entrelinhas do Sr Saramago é "parem de escrever".

Bom, my dear, lamentamos informar que esta que aqui está vai continuar escrevendo. Podem até reclamar que eu demoro a postar coisas novas, mas eu escrevo e vou continuar escrevendo, mesmo sob o risco de cada vez "escrever pior" como apocalipticamente sentencia o ilustrísimo escritor. E em resposta à pergunta do título, obviamente plagiada de outro nobilíssimo autor, TO WRITE, sim: that's MY answer.

Friday, June 05, 2009

Ai ai ai...


Post mais frívolo impossível, mas não pude resisitir:

Não, essa imagem NÃO saiu diretamente das páginas de uma revista dos anos 80, é a última edição da WhoWhatWear (uma espácie de revista de moda online). Aparentemente caiu o preço das passagens para viagens em time mchines lá pelas bandas da América do Norte... :P



Mas, pô, podiam ter escolhido uma época melhor pra fazer um revival, né??? Ninguém merece o visual "repolho" daquele tempo (o qe são aquelas mangas?!?!?!!?) e eu já tive que passar por ele uma vez! Só resta esperar que não chegue - ou pelo menos não "pegue" - por aqui...